18 julho 2007

Fonte


Teus sonhos não são enigmas.
Olha-os com calma:
Eles são a fonte dos enigmas.
Tua fonte.

Não busques, portanto,
o sentido dos teus sonhos.

Dorme, apenas.

E deixa que desfilem
teu mistério
no chão do sono.
Ilustração: Klimt, Serpentes de Água II.

Um comentário:

Marco di Aurélio disse...

Deu-me vontade de dormir, para embarcar nos ditos sonhos... Grande abraço Ronaldo.